Queijo brie

Hoje, pela primeira vez desde que cheguei à Irlanda, há um mês, pensei em ficar. Não por um ano, mas por dois, três, quem sabe pra sempre.

Mas pra sempre é muito tempo. Será?

Não fui uma reflexão, foi só um pensamento qualquer, resultado de uma conversa em sala de aula. O debate era sobre empregos na crise do Euro e evoluiu para comparações. Tenho a companhia de apenas mais uma brasileira em uma classe de árabes, coreanos, japoneses e chineses, e tentávamos explicar para eles a diferença entre o poder de compra do dinheiro no Brasil e na Europa… Sobre como o salário mínimo pode comprar uma vida decente aqui, enquanto em nosso país mal paga uma cesta básica. Isso porque a Europa está em crise.
Enquanto caminhava de volta para casa, com o rosto congelado pelo vento frio, fiquei pensando em como me acostumar com o mercado quando voltar ao Brasil. Vai ser difícil comprar queijo brie, molho de tomate pronto igual ao da Dona Delsa, chás maravilhosos, nozes, damascos, leite, café, carne, verduras, chocolate e montes de iogurtes com apenas dez reais. Foi aí que senti vontade de ficar, para continuar comendo queijo brie todo dia!

Anúncios

2 Comentários on “Queijo brie”

  1. […] *Queijo brie – nem preciso comentar! […]

  2. Fermin disse:

    Hold a practice interview. Compile a list of common interview questions and enlist the help of a trusted friend or family member. Make sure they switch up which questions they ask and the order. With their help, you be confident that you will be prepared for anything the interviewer throws your way.


Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s